Qual importância de tradutor no processo de cidadania?

Entenda agora qual a função do tradutor no processo de cidadania e descubra quais outras funções este profissional pode desempenhar. 

tradutor

O tradutor no processo de cidadania é considerado um dos pilares para o reconhecimento. O seu trabalho, quase sempre, precisa ser solicitado. Por esse motivo, a busca por bons profissionais deve ser bastante cuidadosa.

Uma das principais funções será a tradução de certidões. Documentos esses necessários para a obtenção da cidadania, porém o seu trabalho não fica restrito somente a isso.

Veja agora quais as principais funções do tradutor juramentado e entenda como ele servirá como apoio nas diversas etapas dos processos que envolvem a obtenção da cidadania.

O que faz um tradutor juramentado?


A tradução, diferente do que muitos pensam, é um trabalho bastante procurado no Brasil. Este serviço pode ser utilizado em diversos setores e deve ser realizado com bastante cautela.

Existem cursos que preparam o profissional para realizar tal ação. O ideal é que ele seja fluente na língua escolhida e esteja sempre atualizado. Pode-se considerar a existência de dois tipos de tradução: simples e juramentada.

A simples pode ser representada por aquela tradução que não englobe documentos públicos. Já a juramentada é uma tradução de fé pública, dando existência legal a um documento vindo de fora.

O tradutor juramentado, além de ter as habilidades citadas, deve passar em um concurso para a atuação. Para entender melhor, veja os principais documentos que este profissional pode traduzir:

  • Certidões de um modo geral: casamento, óbito, nascimento e até sentenças de divórcio;
  • Documentos acadêmicos como diploma e histórico escolar;
  • Carteira de identidade, passaporte, registro profissional e demais documentos pessoais;

Contratos administrativos, processos, procurações, licitações e outros.


Sabe-se que os principais documentos para o reconhecimento da cidadania, são as certidões. Qualquer divergência apresentada ou a falta dessa documentação, pode fazer com os processos não tenham andamento.

Conheça outros trabalhos que o tradutor juramentado pode realizar:

Documentos de legalização empresarial


A “consularização dos documentos” é um processo necessário quando uma empresa estrangeira irá se instalar no Brasil. Todo o processo e documentos devem ser encaminhado ao consulado.

Após o registro, o órgão irá necessitar de uma tradução juramentada para validar os dados. O processo só terá valor legal, após a tradução.

Contratos que envolvem os processos de compra e também de venda


Nos contratos de compra e venda por estrangeiros, o tradutor juramentado também será procurado. Quando o comprador realiza a compra de um imóvel, por exemplo, será necessário a apresentação dos documentos pessoais.

Todos os documentos exigidos deverão estar na língua portuguesa. Então a validação só será adquirida quando um profissional credenciado realizar a tradução desses documentos.

Documentos que envolvem comércio exterior


Talvez este tópico seja o mais óbvio. Empresas que possuem vínculos com outros países deverão ter os documentos traduzidos.

Os diversos trâmites empresariais como contratos, abertura de empresas e contratação, devem passar pela tradução juramentada para conseguir a validação legal.

Direito internacional


Para que uma ação judicial feita no exterior tenha validade no Brasil, a tradução pública deverá ser feita. Após a homologação dos processos, os documentos deverão ser encaminhados para a tradução.

É comum existir ações que envolvam divórcio, contratos de diversos segmentos, procurações e até estatutos. Lembrando que somente o profissional credenciado pode realizar este trabalho.

Atos de cooperação entre países distintos


Pode acontecer de algum órgão brasileiro necessitar de uma cooperação internacional. Geralmente acontece nos casos de compartilhamento de documentos.

Em todo caso, um pedido de cooperação deverá ser formalizado. Para que este pedido tenha legalidade, será indispensável que se faça uma tradução juramentada.

Somente depois deste trabalho de tradução, de acordo com a lei, é que os países poderão iniciar os processos de cooperação entre si. Esta ação somente será isenta se existir uma língua comum entre os países envolvidos.

Qual a função do tradutor no processo de cidadania?


É comum que as certidões encontradas para a cidadania, estejam na língua materna. O tradutor deverá traduzir o documento, para que exista a comprovação de que o descendente possa ter direito ao reconhecimento.

Não é difícil encontrar divergências de informações. O tradutor deverá ter total controle do idioma, para que ele possa identificar as expressões utilizadas. Por isso é muito comum que o tradutor juramentado já tenha passado um tempo no país onde a língua em questão é falada.

Lembrando que o documento traduzido só terá validade se a tradução for feita por um profissional credenciado. Para que ele possa ser encontrado, o interessado deverá comparecer até a junta comercial do seu estado e buscar informações.

O trabalho do tradutor não para por aí. Muitos documentos, mesmo que não tenham valor legal, podem ajudar o descendente a ter informações sobre a família. O que acontece é que os acervos costumam apresentar documentos, também na língua materna.

O profissional será, basicamente, a sua chave para decifrar estes documentos. Esse trabalho fará com que a descendência em questão possa ser comprovada, além de ajudar a identificar a origem real do sobrenome.

Principais documentos que necessitam de tradução


O reconhecimento da cidadania exige que o requerente comprove a sua descendência. Os principais documentos são:

  • Certidões de nascimento;
  • Certidões de casamento;
  • Certidões de óbito;
  • Certidão de naturalização. Somente o cidadão italiano deverá apresentar este documento.

Como falado, na maioria dos casos, os documentos estão na língua oficial. O tradutor irá realizar a tradução pública, validando todos os dados. Existem muitas empresas que realizam tanto o auxílio na busca pelos documentos quanto a tradução juramentada.

Os processos para a obtenção da cidadania podem ser demorados. Opte sempre pela contratação de uma empresa para realizar este apoio. Lembrando sempre de verificar se ela já possui um tradutor credenciado.

Considerações finais


A partir das explicações apresentadas, foi possível entender como o tradutor pode ser útil para diversos processos. As etapas que envolvem a obtenção da cidadania pode ser uma das áreas mais beneficiadas pela utilização dos serviços de tradução.

Tenha em mente que o seu processo de obtenção da cidadania deverá ter a contratação de um tradutor juramentado. Para facilitar a procura, como já citado, escolha empresas que disponibilizam o trabalho completo.
Postagem Anterior Próxima Postagem